18 Março, 2020

 

O coronavírus é uma preocupação para as pessoas e para as empresas. Uma questão que se levanta com maior frequência é referente aos serviços de telesaúde e se estes poderão ajudar pessoas e empresas, evitando assim, que pacientes não infetados, possam contrair o vírus em meios hospitalares. A telesaúde possibilita trazer os cuidados de saúde às pessoas no conforto da sua casa, em vez de as forçar a deslocar-se a uma unidade de saúde.

 

Será que chegámos ao momento crucial para utilizar os serviços de telesaúde? Julgamos que agora é o momento para utilizar este serviço dado que protege as pessoas com outros problemas de saúde e que poderão ser tratadas, evitando que se juntem em unidades de saúde e hospitalares onde o vírus está mais concentrado ou ser uma fonte de contágio. No entanto é importante reforçar que a linha de apoio em Portugal para lidar com casos suspeitos é a 808 24 24 24. Para outras situações, se têm confiança no serviço de telesaúde, não existirá momento melhor para tornar este serviço disponível aos seus colaboradores.

 

Também importante, outro método de telemedicina que poderá ser utilizado neste surto é a saúde comportamental – especialmente se pessoas tiverem de ficar de quarentena durante várias semanas. Epidemias como estas podem aumentar os quadros de ansiedade e de depressão nestas pessoas, sendo esta mais uma razão para a importância deste serviço.

 

Para mais informações consulte o site da DGS – Direção Geral se Saúde https://www.dgs.pt/corona-virus.aspx que analisa algumas medidas práticas para se proteger contra o coronavírus.

Contacte-nos para receber atualizações da Mercer sobre esta matéria: